domingo, agosto 09, 2015

Jakarta



Jakarta é uma cidade de grandes contrastes. Nós estamos mesmo numa zona bem cheia de movimento de rua, com vendedores de tudo e mais alguma coisa, multidões sempre a caminhar de um lado para o outro, água suja a correr à beira da estrada, motas (muitas), carros, tuk-tuks e muitas casas de construção duvidosa. Curiosamente, a residência onde estamos é bem boa. Limpa e com pessoas simpáticas. Mas o que impressiona mesmo é que, caminhando 10 minutos, entramos numa zona chiquérrima que parece outro país.

Os contrastes são altíssimos nesta cidade!

4 comentários:

Celeste Vaz Ferreira disse...

Gosto imenso do registo e fico também a aguardar workshop de batiks desenhados!

Ana Simoes disse...

Caramba, se alguma vez eu me atrevia a desenhar essa vista ...
Fantástico!

Henrique Vogado disse...

No desenho dá para perceber bem os contrastes com altas torres de vidro e prédios baixos de telhado. Gosto da opção dos espaços vazios na dupla página. Continuação de boa viagem.

Mário Linhares disse...

Obrigado pelos comentários.
Ana, não há como nos lançarmos às tarefas que nos parecem impossíveis. No nosso caderno cometemos todas as loucuras!

Aquele espaço em branco já tem texto. Quando chegarmos a Lisboa, no próximo encontro de diários gráficos de setembro, mostro-te!

Workshop de batiks, pois, não sei... vamos ver se aprendemos bem as lições...
;)