terça-feira, outubro 21, 2008

Fotografia: Guiné-Bissau | Photography: Guinea-Bissau




Ando a entusiasmar-me com o texto e estes post estão a ficar muito grandes... depois já sei que ninguém lê...

Bom, as casas de Empada...

A grande maioria tem um telhado feito em palha. Essa palha resiste no máximo a duas épocas de chuva (dois anos portanto) e depois é necessário substituir tudo, senão começa a chover dentro...

Quem tem um pouco mais de posses tem telhados de zinco. Mas para ter esses telhados é preciso ter, não só dinheiro para comprar as placas de zinco, como também as traves em madeira, que têm necessariamente de ser mais resistentes que as outras (que só suportam a palha).

Artisticamente falando, as paredes são absolutamente fantásticas! A textura é fenomenal e as cores são incríveis. Representá-las no papel em aguarela seria um desafio emocionante...
... a parte mais triste das paredes é que se desfazem muito facilmente. Provavelmente o doseamento entre a areia e o cimento não foi bem calculado, ou então não havia dinheiro suficiente para comprar o cimento necessário.

O chão é também em terra.
O gado dorme dentro de casa. São poucas as famílias que já construíram uma divisão à parte para os animais.

Na casa da Safi só existe uma cama. A restante família dorme no chão... ou melhor, na terra...


2 comentários:

Luís disse...

"...eis ainda outro enigma da memória, mais fundamental que todos os outros: têm as recordações um volume temporal mensurável? Desenrolam-se na duração?"

Não te preocupes com o tamanho das tuas recordações que para nós é sempre um prazer lê-las até ao fim.

alunas escola secundária de Peniche disse...

Vimos por este meio dar-lhe a conhecer que no âmbito da disciplina de Área e Projecto, estamos a participar no concurso Del8 promovido pela Ad Gentes.
O nosso grupo de trabalho seleccionou a problemática do ensino primário e da fome extrema. De acordo com as normas estabelecidas pelo regulamento do projecto, temos como objectivo erradicar estes problemas, particularmente, na aldeia de Empada na Guiné-Bissau.
Por isso solicitamos que nos dê apoio e que nos esclareça dúvidas acerca da situação da Guiné-Bissau.
Com os melhores cumprimentos:

Alunas do 12ºCT3 da Escola Secundária de Peniche

P.S.- responder para: olivia19_91@msn.com